Acompanhamento terapêutico e sua importância

Índice

O acompanhamento terapêutico é importante em qualquer fase de nossas vidas. O tratamento consiste no fato de a pessoa conversar com um psicoterapeuta ou, por exemplo, com membros de um grupo terapêutico sobre aqueles problemas para os quais necessita ser tratada.

Por meio da conversa, ele pode resolver experiências difíceis e encontrar uma solução para seus problemas. O acompanhamento terapêutico pode ser individual, casal, família ou grupo.

A psicoterapia é baseada na interação interpessoal, entretanto, não é apenas uma conversa casual. O acompanhamento terapêutico é um tratamento que tem objetivos claros.

Eles tentam aliviar ou superar o sofrimento causado por doenças mentais ou outros problemas da vida por meio da conversa. Estudos têm mostrado que o acompanhamento terapêutico é um remédio eficaz para, por exemplo, depressão.

No Fepo você encontra os melhores psicólogos, especialistas preparados para lhe ajudar da melhor forma possível a fim de um resultado favorável.

Comunidade da Fepo

No entanto, o acompanhamento terapêutico formal só pode ser realizado por psicoterapeutas especialmente treinados. Mais informações sobre a utilização do título profissional de psicoterapeuta e formação em psicoterapia podem ser encontradas no site do Fepo todos os profissionais são registrados e credenciados para o acompanhamento.

Na psicoterapia, existem várias abordagens que afetam, por exemplo, o ângulo de visão do problema. Por exemplo, a depressão pode ser analisada à luz das memórias da infância ou através do prisma da própria maneira de pensar do paciente.

A abordagem adotada influencia a maneira como se tenta resolver os problemas. As várias abordagens geralmente se complementam e podem ser usadas em paralelo.

Na prática do tratamento, os psicoterapeutas combinam diferentes abordagens com sua própria experiência pessoal. Do ponto de vista do tratamento, o mais importante é a interação efetiva entre o terapeuta e o paciente.

Terapia online para sua saúde e bem-estar

Imagem 1 do artigo Acompanhamento terapêutico e sua importância

Procurando ajuda para acompanhamento terapêutico?

Você pode procurar ajuda para acompanhamento terapêutico, você pode entrar em contato com um psicoterapeuta diretamente e marcar o início do tratamento.

O acompanhamento terapêutico de longo prazo pode ser necessário em casos particularmente graves. A psicoterapia de longo prazo pode durar anos e as sessões podem ocorrer várias vezes por semana.

A duração do curso da psicoterapia em cada caso depende do método de psicoterapia usado, bem como da situação específica do paciente.

Chat de Apoio Emocional

Hoje mesmo você pode acessar a plataforma do Fepo e se informar sobre o valor, assim como escolher o profissional que possa lhe acompanhar.

Qual abordagem devo escolher para o acompanhamento terapêutico?

É interessante que você separe um tempo para realizar uma pesquisa aprofundada acerca das abordagens da área de Psicologia. A mais conhecida é a Gestalt, e a mais utilizada pelos profissionais, mas isso não significa que você precisa se adaptar a esse método.

Cada profissional possui a sua abordagem, e isso acontece em todos os setores. Por exemplo, um advogado possui a sua forma de atender os clientes, e os psicólogos possuem o seu método de realizar consultas com os seus pacientes.

Isso não torna nenhum profissional melhor ou pior que o outro, sendo apenas abordagens diferentes utilizadas nos atendimentos, e na prática é um ponto positivo. Imagine que você não consegue alcançar os seus resultados esperados, justamente pela forma em que é atendido pelo psicólogo?

Por esse motivo, essa diversidade de abordagens é legal na prática, você só precisa procurar mais e entender um pouco sobre esses métodos, assim o seu atendimento será mais rentável, pois já saberá o que te aguarda.

Programa de Atendimento Social

Quais as especializações do psicólogo?

Você não vai medir a capacitação de um profissional pela quantidade de certificados que ele possui, e sim analisar se as suas especializações condizem com as suas necessidades.

Existem profissionais preparados para os mais diversos acontecimentos que você imaginar, como para adolescentes, pessoas LGBTQ+, área acadêmica, enfim. O seu objetivo é o foco nessa procura, e a partir das especializações do psicólogo você consegue definir qual vai te render melhores resultados.

Analise as referências desse profissional

Todo profissional possui uma referência, ninguém ascende sozinho. A partir das referências e indicações que os profissionais recebem, é possível traçar o meio em que esse psicólogo anda, e onde os seus projetos e ambições estão inseridos.

Mídias e grupos sociais podem ser o seu foco nesse momento da pesquisa. Contudo, esse não deve ser o ponto mais enfático, afinal, existem outras maneiras de encontrar as indicações do profissional.

Dessa maneira, considere as referências, mas não tome isso como verdade absoluta, apenas um ponto a ser considerado.

Como o psicólogo pode me ajudar?

Esse tipo de pergunta é feito por pessoas mais velhas e que não acreditam na melhor partindo do pressuposto de que os psicólogos estão ali para nos ajudar. Em suma, nós podemos procurar um profissional da área de psicologia em diversas situações.

Imagine que você é adolescente e está com dificuldades para decidir qual curso superior ingressar, ou a sua vida amorosa está passando por problemas e que você não sabe resolver. Essas situações são frequentes e não necessariamente tiram o seu sono ou interfere na vida alheia (geralmente, é aí que procuram um psicólogo).

O que queremos mostrar a você, leitor, é que um psicólogo é mais importante do que se pode imaginar. De fato, ele não mostrará nenhuma resposta concreta e que vai decidir todo o rumo na sua vida, pois só você que está vivendo aquela situação pode dizer isso.

Entender que o psicólogo precisa ser o seu amigo e te auxiliar nas melhores e piores horas da vida é o primeiro passo na busca por ajuda. Outro passo importante é entender que não tem nada de errado acontecendo com você, e que se existe algum problema de fato, é apenas uma fase.

Decidi procurar o psicólogo, e agora?

Agora você precisa fazer uma pequena pesquisa acerca das “ofertas” do mercado. Sim, contratar um psicólogo é quase que uma compra de um produto, então é necessário que seja feita uma busca aprofundada sobre as especializações do profissional e qual a sua área de atuação, em específico.

Assim como na medicina, no direito e em outras áreas, cada graduação oferece os seus pontos específicos, além de técnicas diversas – ou como chamam na Psicologia, abordagens. Isso significa que cada profissional tem sua maneira de atuar, e talvez você não se dê muito bem com isso. Essa é a importância da pesquisa.

Felipe Laccelva

Felipe Laccelva

Psicólogo formado há mais de dez anos, fundador e CEO da Fepo. Fascinado pela Abordagem Centrada na Pessoa, que tem a empatia como eixo central para transformar o ser humano. Sempre buscou levar a psicologia para mais pessoas e dessa forma criar um mundo mais saudável e acolhedor.

Agendar consulta